• Seco

    Seco

    O Madeira Sercial ou Seco é perfeito como aperitivo. Acompanha bem azeitonas, amêndoas torradas, canapés de caviar ou salmão fumado e acepipes com maionese. É igualmente deliciado com peixes fumados como o salmão, o espadarte, o atum ou a espada, os mariscos, o sushi ou as mousses de peixe, e sublime com queijos frescos de cabra ou ovelha.

  • Meio Seco

    Meio Seco

    O Vinho Madeira Verdelho ou Meio Seco é excelente como aperitivo, combinando na perfeição com azeitonas, amêndoas torradas e frutos secos. Agradável com consommé, cremes com natas e sopa de cebola gratinada. É exuberante com presunto serrano ou caça fumada, terrinas de caça e de requeijão, cogumelos com alho ou recheados e saboroso com foie-gras de pâté de pato ou ganso.

  • Meio Doce

    Meio Doce

    O Vinho Madeira Boal ou Meio Doce é harmonioso com frutos tropicais frescos, frutos secos, bolos e tartes de fruta. É surpreendente e delicioso com queijos de pasta mole e queijo curado. Subtil com souflês de queijo ou de frutos silvestres. É naturalmente exótico com chocolate de leite, pralinés, petit-fours, bolos de creme e com o tradicional bolo de mel da Madeira.

  • Doce

    Doce

    O Vinho Madeira Malvasia ou Doce é delicioso com frutos tropicais e frutos secos, principalmente como as nozes e as avelãs. É espirituoso com bolos de frutos secos e tartes de fruta e bolo de mel, biscoitos de manteiga, chocolate escuro ou de leite, pralinés e petit-fours. É um vinho que se revela elegante com queijos portugueses como o da Serra, o de Serpa, o de Azeitão, o do Rabaçal e o da Ilha, e com queijos azuis como o Danish blue, o Roquefort, o Stilton ou o Gorgonzola.

  • Tabaco

    Tabaco

    Para os apreciadores e entusiastas, fumar um charuto acompanhado de um Madeira é um momento de descontração e de prazer, elevados pela descoberta de aromas e sabores. O Boal velho associa-se na perfeição com tabaco de cachimbo e com charutos. Os «Frasqueiras» doce são excepcionais com charutos Havana.